domingo, 14 de outubro de 2007

Sonhos I :)


Uma vela ilumina o quarto escuro.
Tu dormes.. Eu? Eu estou sentada no chão.
A vela ilumina parte de ti, e eu observo-te a dormir.
Chegaste mesmo cansado.
Quase nem falamos, deitaste-te e adormeceste..
Mantenho-me em silêncio mais uns minutos, simplesmente a observar-te.
Há dias que apenas isso basta-me.

Levanto-me e dirijo-me à casa de banho.
Ponho a água a correr..
Volto ao quarto para ir buscar a vela, não quero que uma luz te interrompa o sono.
Entro para debaixo da água que corre.
Fecho os olhos. Apenas sinto a água correr.
Por momentos dou-me conta da dura realidade.
O meu subconsciente espera que venhas para aqui, ter comigo.
O meu consciente sabe que não vens.
Olho em volta, o espaço parece pequeno.
Este espaço onde já cá estivemos ambos por inúmeras vezes, agora parece pequeno só para mim. Será que aumentei? |: ou será da luz da vela? Volto a fechar os olhos, por momentos sinto movimento, mas ignoro-o, só pode fazer parte da minha imaginação. De repente, alguém abre a porta e com a carinha mais ensonada que se pode imaginar diz: "Porque não me chamaste? Sabes bem que eu gosto de tomar banho contigo". "Oh, estavas a dormir tão bem", respondo com um sorriso a bailar-me nos lábios.
Entras e abraças-me. Estremeço quando me tocas. Sempre tiveste esse poder, arrepiar-me só com um simples toque. Nunca deste por ela. Fico ali, parada. Apenas a sentir o teu abraço, a água a cair-nos em cima.

De repente, porque tudo o que é bom acaba rápido. O telefone toca e eu acordo.
Não foi nada mais que um sonho. Com sabor a saudade.



So save me I'm waiting
I'm needing, hear me pleading
And soothe me, improve me
I'm grieving, I'm barely believing now, now

When you're flying around and around the world
And I'm lying alonely
I know there's something sacred and free reserved
And received by me only

Nobody knows it but you've got a secret smile
And you use it only for me


"You will never age for me, nor fade, nor die."
"Parting is such a sweet sorrow, that I shall say goodnight till morrow"

"Strangely enough, it all turns well"
"how?"
"I don't know. It's a mistery."

~Shakespeare in Love ~

Vi este filme no cinema quando estreou em Portugal, e gostei.. E ontem deu na fox :)
Matei saudades. :)
Bom fim de semana para todos.
P.S.: Gostar de ti, é tudo menos fácil. \: E eu sei que não fazes por mal, mas.. bolas! \:

3 comentários:

Niu_esi disse...

As vezes são sonhos como este que se fica feliz por um dia apenas!
Já não ouvia este mu´sica há montes de tempo, quanto ao filme já não me lembro muito bem mas axo que ate era fixe! :P
bj

Anónimo disse...

A musica e fantástica moça, quanto as lembranças...ainda bem que elas existem. fica bem :)

Don't worry, be happy disse...

continua a escrever assim...
um dia destes juntas tudo e fazes um livro ;)

Não são momentos, são uma eternidade porque nunca se esquecem