quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Enfim..


Tenho saudades ... tuas...
Penso quando acordo..
em ti...
Sonho durante a noite.. contigo...
E quando acordo, ainda está presente a sensação de falta..


Espero que apareças uma manha de tarde, bem perto da noite..
Passo os dias na expectativa de encontrar
e ver
E de não ver.. e ver-te, novamente, apenas uma vez mais..
Ou de não me verem.. tu não me veres..
Nem sei..


É uma espera eterna..
Uma busca sem fim e sem qualquer ínfima possibilidade de sucesso..
E eu sei disso..
Mas o saber não é suficiente e eu não me convenço.
Fica sempre aquela réstia de esperança que um dia a busca termine..
e tu chegues no teu 'cavalo' branco..

2 comentários:

ines disse...

A saudade é a luz viva que ilumina a estrada do passado.

Gaivota disse...

Há dias que ando a pensar, e se montar eu o cavalo branco e for atras dele? Será que o conto de fadas deixaria de existir? Ou poderiamos ter, ainda assim, um daqueles finais felizes?

Acho que vou mudar as variaveis da história e arriscar a minha sorte.

Beijinho****
miss you